terça-feira, 31 de julho de 2007

Inovatec 2007 abre no dia 1º

31/07/2007 Agência FAPESP – Ainda estão abertas as inscrições para os seminários e rodadas de negócio entre representantes da iniciativa privada e das principais universidades e instituições de pesquisa do país na Feira de Negócios em Inovação Tecnológica entre Empresas, Centros de Pesquisa e Universidades (Inovatec), que terá sua segunda edição realizada de 1º a 3 de agosto, na capital paulista.

O objetivo do evento é criar um ambiente de negócios que aproxime as ofertas dos centros de pesquisa e a demanda dos setores industriais. Para isso, além dos espaços de negócios dos estandes, as rodadas de negócios funcionarão de duas formas: mediante agendamento de reuniões e em continuidade aos seminários de demanda e oferta, em que, após as apresentações, haverá sessões para contatos iniciais.

Nos seminários de oferta, as instituições expositoras apresentarão linhas de pesquisa e de serviços tanto em tecnologias industriais básicas como em tecnologias com boas perspectivas de se transformar em novos processos e produtos, enquanto nos seminários de demanda os setores empresariais apresentarão necessidades tecnológicas para posterior aprofundamento com as instituições interessadas.

O evento terá início no dia 1º de agosto, às 8h45, com o seminário “A Lei de inovação tecnológica e o papel das agências de inovação e das fundações de amparo e financiamento a pesquisa na viabilização de projetos entre empresas e instituições de pesquisa: Um balanço dos avanços realizados e cases de implantação”.

Para a sessão de abertura, estão confirmadas as presenças de Cláudio Vaz, presidente do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), entidade responsável pela organização do encontro, Roberto Nicolsky, diretor da Sociedade Brasileira Pró-Inovação Tecnológica (Protec), Reginaldo Arcuri, presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), e Hugo Borelli Resende, presidente da Associação Nacional de Pesquisa, Desenvolvimento e Engenharia das Empresas Inovadoras (Anpei).

Em seguida, Reinaldo Dias Ferraz de Souza, coordenador-geral de Serviços Tecnológicos do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), e Carlos Américo Pacheco, secretário-adjunto da Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo, falarão sobre o tema “Um balanço da implementação das agências de fomento à inovação nas instituições de Ciência e Tecnologia”.
Às 14h30, os participantes poderão conhecer nos estandes da feira ofertas e demandas tecnológicas das indústrias de: alimentos processados; celulose, papel e embalagens; geração, transmissão e distribuição de energia elétrica; e petróleo e gás natural.

No segundo dia, o seminário “Projeto e implantação de Departamentos de P&D em pequenas e médias empresas. Identificação da necessidade, projeto estratégico, seleção de RH, implementação e gestão” será proferido por Roberto Nicolsky, da Protec, e Hugo Borelli Resende, da Anpei.

“Onde e como praticar e financiar a inovação tecnológica: pesquisa dentro da empresa, parcerias com instituições de pesquisa, licenciamento e fontes de financiamento”, “FAPESP: Financiamento de pesquisa para a inovação tecnológica” e “Linhas de financiamento à inovação nas empresas e a contratação de pesquisadores: conheça os produtos Finep e o processo para obter os recursos” serão outros temas discutidos a partir das 11h45.

A tarde do dia 2 também será destinada ao conhecimento das ofertas e demandas tecnológicas da indústria, desta vez da automotiva e de autopeças, petroquímica, química e de plásticos e siderúrgica, metalúrgica e fundição. “Oferta de serviços de tecnologia industrial básica: metrologia, certificação, ensaios e desenvolvimento de protótipos” e “Recursos para inovação na empresa e patentes e gestão da propriedade intelectual” também serão outros assuntos discutidos.

No dia 3, último do evento, serão apresentadas ofertas de linhas de pesquisa em nanotecnologia e de serviços de tecnologia industrial básica. As palestras “Prospecção tecnológica para nanotecnologia” e “As normas técnicas como paradigma para inovações em produtos: utilizando a base de dados da ABNT” serão dadas, respectivamente, por Leandro Lopes de Faria, coordenador executivo do Núcleo de Informação Tecnológica em Materiais da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), e Carlos Santos Amorim Jr., diretor de Desenvolvimento e Informação da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Também serão expostas ofertas e demandas tecnológicas em: meio ambiente e saneamento; indústria da defesa; indústria de máquinas e equipamentos; indústria farmacêutica; indústria da higiene pessoal, perfumaria e cosméticos; indústria de equipamentos e suprimentos médicos, hospitalares e odontológicos; e indústria eletroeletrônica, tecnologias da informação e telecomunicações.

A FAPESP participará do evento no estande que reunirá as instituições de pesquisa do Estado de São Paulo. Estarão representadas as universidades estaduais Paulista (Unesp), de Campinas (Unicamp) e de São Paulo (USP), as universidades federais de São Carlos (UFSCar) e de São Paulo (Unifesp), a Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), os institutos Biológico, Butantan, de Pesquisas Tecnológicas (IPT), de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen), de Economia Agrícola (IEA), Agronômico (IAC), de Tecnologia de Alimentos (Ital), de Pesca, de Zootecnia e a Faculdade de Tecnologia de São Paulo (Fatec).

Os agendamentos nas rodadas de negócios e o credenciamento de visitantes podem ser feitos pelo site da Inovatec 2007. Os representantes das empresas interessadas podem solicitar reunião com até cinco instituições expositoras.
Além de aproximar empresas de centros de pesquisa, o encontro pretende fomentar a prática inovativa dentro das próprias empresas, estimulando um maior investimento em pesquisa e desenvolvimento (P&D) e a adoção de visões inovadoras sobre como desenvolver negócios.
A Inovatec 2007 será realizada no Centro de Eventos São Luiz, na rua Luís Coelho, nº 323, Cerqueira César.
Enviado por Odair Soares.
AGÊNCIA FAPESP - R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo-SP - BrasilTel: (+55) 11 3838 4000 Fax. (+55) 11 3838 4117 - E-mail: agencia@fapesp.br

quarta-feira, 25 de julho de 2007

V EGEPE – Encontro de Estudos sobre Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas

São Paulo / SP
05 a 07 de março de 2008

O V EGEPE – Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas são temas desafiadores e contemporâneos, que estão na pauta da realidade brasileira. Discussões dessa natureza vêm ampliando espaços na agenda de pesquisadores, empreendedores, diferentes segmentos empresariais, universidades e entidades governamentais e não-governamentais, na medida em que esta é uma indiscutível alternativa de melhoria social e econômica.

O V EGEPE – Encontro de Estudos sobre Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas será realizado de 5 a 7 de março de 2008, na cidade de São Paulo, SP, na Universidade Presbiteriana Mackenzie.

O PPA Universidade Estadual de Maringá, nesta edição do evento, em parceria com a Universidade Presbiteriana Mackenzie, faz um convite para a submissão de artigos científicos, relatos de pesquisas e experiências diversas, que contribuam para o avanço do conhecimento na área de Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas nacionais e internacionais.

Saiba mais em:
http://www.mackenzie.com.br/congressos/egepe2008/index.html

sexta-feira, 20 de julho de 2007

Roundtable on Entrepreneurship Education: Latin AmericaRio de Janeiro, Brazil October 30 - November 1, 2007




Roundtable on Entrepreneurship Education: Latin AmericaRio de Janeiro, Brazil October 30 - November 1, 2007

The Stanford Technology Ventures Program, Ibmec RJ, and University of São Paulo cordially invite entrepreneurship educators to participate in the annual Roundtable on Entrepreneurship Education (REE) in Latin America. This conference gathers business, science, and engineering faculty from leading universities around the region with the goal of accelerating entrepreneurship education. The program schedule, hotel information, and registration information can be found here: http://ree.stanford.edu/la
The REE LA program includes world-class industry speakers, thought-provoking panels, and breakout workshops that focus on developing university programs, courses, and research on entrepreneurship, innovation, and leadership in new enterprises.
Don't miss this opportunity to share your success stories, to learn from your colleagues in other schools, and to hear from industry leaders.The general theme for REE LA in Rio de Janeiro will be "know-how". Please see the call for papers on entrepreneurship education techniques below.
REE LA is one of a series of international conferences for entrepreneurship educators around the world, including:

REE Asia (Seoul, South Korea, June 20-22)
REE Europe (Barcelona, Spain, September 19-21)
REE USA (Stanford, California, October 24-26)
For information about all of these conferences, visit: http://ree.stanford.edu/
The early bird price for REE LA is US $250. After Sept 15 the price increases to US $300. In order to guarantee a spot at the conference, we suggest that you register early.
Looking forward to seeing you in Rio!
Conference Directors:Marcelo Salim (IbmecRJ) Jose Antonio Lerosa de Siqueira (USP) Tina Seelig (Stanford University)
REE Latin America: Call for Papers on Entrepreneurship Education Techniques
Entrepreneurship education is a lifelong activity and entrepreneurship educators are always developing new ways to teach students how to be entrepreneurial. Our challenge is to teach topics such as creativity, opportunity recognition, leadership, negotiation, business planning, strategy, and execution in ways that make the concepts come alive for our students. Many educators have developed their own educational approaches by adapting existing methods to their specific needs and by creating new teaching tools.

The general theme for the Roundtable on Entrepreneurship Education for Scientists and Engineers – Latin America (REE LA) in Rio de Janeiro will be "know-how". Educators from all over the world will discuss the new challenges in entrepreneurship education and how they are being faced in their own countries. Also, we will discuss and share teaching approaches, materials, and experiences.

In order to collect as much about this subject as we can, we will introduce a new feature to the REE Conference. There will be a call for papers related to techniques for teaching entrepreneurship, inside and outside the classroom. It will be a great opportunity for showing, sharing, and improving teaching skills.

Tell us about your favorite class or your most interesting teaching technique. Please include all of the following information in a one-page abstract:
Professor(s) Name(s) and e-mail(s)University and ProgramSubject and Objectives For suggestions, check http://www.entre-ed.org/Standards_Toolkit/standards_detail.htm Number of students involved and their level of educationThe time, materials and assistants neededDescription of the course, class, or exercisePhotos and any other material may be attached

The paper itself should be limited to four pages.
Submissions should be sent to Jose Lerosa Siqueira (jals@usp.br). Selected papers will be published in a book. The authors must accept that the copyrights for the papers be donated to Endeavor International (http://www.endeavor.org/).Important deadlines:

Deadline for applying papers: August 31.Definition of the 30 best papers: September 14.
Four papers will be selected for discussion during REE LA Rio. The authors will be asked to prepare a 20-minute oral presentation for the participants. Those four papers will be selected by September 21 by the REE Steering Committee. Registration fees for REE will be waived for those four chosen participants.
This part of REE LA is organized by Marcelo Nakagawa and José Lerosa de Siqueira (both from Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, Centro Minerva de Empreendedorismo).
Unsubscribe: Please e-mail Christina Harvett and put "Unsubscribe" in the subject headerWeb: http://stvp.stanford.edu/E-mail: charvett@stanford.edu Stanford University . 380 Panama Street . Stanford . CA 94305

Diretório de Periódicos abertos para pesquisa.

Aqui vocês encontram uma série de periódicos e jornals que estão liberados para pesquisa.
http://www.doaj.org/doaj?func=home

sexta-feira, 13 de julho de 2007

Empretecos


Inscrições:
http://www.guiadosempretecos.com.br/evento/Guia3/index.asp

domingo, 8 de julho de 2007

Empretecos

As pessoas que já fizeram o treinamento do empretec, volta e meia se esforçam para se unir e se ajudar.
Eis uma boa idéa:
http://www.guiadosempretecos.com.br/home.asp

terça-feira, 3 de julho de 2007

ATA REUNIÃO DO FÓRUM DE EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA

Data da reunião: 26 de Junho de 2007
Local: ESPM

Presentes: Rosa Villares – UNIFIEO
Galba – UMC
Paulo Roberto – UMC
Emerson Viera – SEBRAE
Álvaro Mello – FEA USP
Carlos Amorim – FEA USP
Zilá – UNIFIEO
Siquiera – POLI USP
Silvia – POLI USP

Informes e debates (para esquentar):
1 - Comentários sobre a Feira de empreendedorismo de S. José dos Campos – 126.000 participantes.
2 – Diferentes eventos foram lembrados no encontro, os membros vão me repassar às informações e será publicado nesta página.
3 – Breve discussão sobre o aprendiz 4.

Sugestões de ação:
1 – Posicionar-se politicamente.
2 - Procurar a frente parlamentar de apoio à pequena empresa e levar uma proposta de política pública para o empreendedorismo.


Emerson Viera
A apresentação do Emerson foi anexada ao grupo, aqui se encontra um resumo dos pontos principais colocados:

1 – A atuação do SEBRAE acontece como orientação, agente de fomento e coordenação no inicio e num segundo momento procura se afastar desta coordenação, deixando a cargo dos agentes à mesma. Isso acontece em diversas esferas, por exemplo, nos Arranjos Produtivos Locais.

2 – O Empreendedorismo precisa ser visto como um valor da sociedade. Se não for um “dado cultural”, as ações e cursos não encontraram respaldo e serão inúteis.

3 – Essa cultura do emprendedorismo deve ter em foco três aspectos “cultura da colaboração” “cultura da inovação” e “respeito ao meio ambiente”. Todas essas cerceadas por valores.

4 – Se os valores não estão presentes, teremos empreendedores como o Sr. “Marcola”. Algo a se evitar.

5 – O SEBRAE defende que ensino do empreendedorismo e fomento ao empreendedorismo acontece o ano todo, todos os anos de educação. Pois isso não se ensina, se absorve. “Disciplina de empreendedorismo solta do restante é inócua” e “Nosso foco é o professor” são os motes da apresentação.

6 – Atualmente o SEBRAE procura uma associação com o meio acadêmico e a diminuição do OBAOBA no ensino. Menos “achismos” e mais foco, arte e ciência. O grupo é muito bem vindo neste sentido. Há um circulo vicioso no ensino, professores que ensinam no “empretec” e formam os novos professores que pensam da mesma forma. Está aberta a chance para inovar.

7 – O SEBRAE quer do meio acadêmico: Modelos, estudos de caso para ensino, novas técnicas. Além disso está desenvolvendo o “Portal SEBRAE no CAMPUS”.

8 – O SEBRAE se dispôs a auxiliar para trazermos parte do evento REELA para São Paulo – ISSO É IMPORTANTE, URGENTE e pode significar a consolidação do grupo.

9 – No mesmo sentido, um evento para o meio acadêmico seria bem vindo, e ambas as idéias podem ocorrer conjuntamente.

Ações que devem anteceder a próxima reunião:

- Conversar com o Emerson e mostrar a nossa proposta para “capturar” parte do REELA, nem que seja um evento de um dia. Obviamente fazer tal trabalho antes de procurá-lo.
- Acertar os detalhes da pesquisa.
- MOVER-SE e não ficar esperando isso apenas dos outros.

Próximas reuniões:
As primeiras terças de cada mês.
Próxima na primeira terça de agosto, dia 7, a princípio na agência de inovação da USP (confirmar).

É isso, abraços,
Carlos